o dia em que eu não morri

Putz, essa noite eu sonhei que passava dessa pra uma melhor. Nada trágico, nenhuma grande perda pra humanidade nem nada do gênero.

O problema é que quando cheguei no paraíso Noah me telefonou.

– Oi, mamãe. Você morreu e esqueceu de comprar uva pra mim. Sacanagem, você sabe que eu não vivo sem uva.

– Ah, filho, não deu tempo. Pede pro papai.

– O papai detesta ir ao Hortifruti, mamãe, você sabe disso.

– Verdade…

– Outra coisa, manhê. Eu entrei no seu blog e não tem nenhuma foto minha na França! Não dá pra você postar daí não?

– Ah, filho, era o que me faltava. Mamãe tem mais o que fazer aqui no paraíso (que foi, gente? se o sonho é meu, eu morro e sou mandada pra onde eu quiser, licença?)

– Ah, mamãe, coloca as fotos no blog, vai.

– Ah, tem dó, Noah, pede pro seu pai.

– Papai tá ocupado.

-Ocupado fazendo o que, meu deus?

– Ué, casando.

Acordei aos berros, peguei o marido pelo braço e falei que achava um de-sa-fo-ro ele casar com alguém só pra não ter que ir na porra do Hortifruti comprar uva pro filho.

Passado o susto (dele) eu resolvi que seria bom que se eu morresse ele tivesse a senha do blog. Certo? Que caso contrário como é que vocês iam ficar sabendo, gente?

Então dei a senha do blog e fiz ele prometer que se eu batesse as botas ele escreveria um post de despedida, falando somente coisas maravilhosas sobre a minha pessoa.  E fiz ele jurar de pés juntos que terminaria tal post assumindo a culpa por nós termos ficado sem fraldas no vôo Rio-Paris.

Primeiro ele me olhou arregalado, como ele sempre olha quando acha que estou falando algum absurdo #frequente#. Mas depois ele logo perguntou:

– Mas será que alguém vai comentar meu post?

– Deixa comigo que eu vou falar com o pessoal.

– Vai falar o que, Roberta?

– Ué, vou falar que a gente conversou sobre isso, que eu te autorizei a escrever um post caso eu bata as botas e que é favor comentar o seu post póstumo de coisas bonitas sobre a minha pessoa. O pessoal vai entender, confia em mim.

– Ro, pelamordedeus, escuta o que você tá falando. Diz pra mim que você não vai pedir pros seus leitores que eles comentem o meu suposto post póstumo.

– Mas é claro que vou pedir.

– Eles vão achar que você é louca de pedra.

– Amor, ali a maioria é mãe, e mãe você sabe…

– Verdade. Uma pior que a outra.

–  ã-hã.

Então, gente, por favor: comentem o tal post postmortem. Pela compreensão, obrigada.

E François: você me deve 50 reais.

***

Então, filhote. Aqui estão algumas fotinhas de nossa linda aventura pela França. Como eu não vou morrer tão cedo, e ainda pretendo escolher conhecer sua esposa e dar pitaco na educação amar seus filhos vou deixar as outras tantas fotos pra depois, combinado?

Pois bem. Aos 21 meses, na nossa primeira viagem juntos ao país do seu pai, você:

* Foi de Paris a Quimper em um trem super-mega-rápido, onde constatou que as pessoas não respondiam bem ao seu “bom dia”. Então foi neste trem que você começou a gastar seu francês, disparando “bonjour” até pra maçaneta do banheiro.

bonjour passarinho, bonjour janela, bonjour maçaneta

* Descobriu a liberdade de se correr por uma praia tão vazia de gente mas tão maravilhosamente cheia de história…

e descobriu que sunga carioca é bem diferente de sunga bretona...

* E você teve a honra de dormir na casa construída pelo seu tataravô. Seu tataravô, aliás, era um homem inteligente e de muita visão. Então ele construiu uma casa de praia forte, resistente a ventos, temporais e alemães.

eu enfrentava os batalhões, os alemães e seus canhões

* E ali naquela areia em que você brincou (e brincou muito) brincaram também teu avô, teu pai, teus tios e primos. Olha o teu pai aqui, de costas, com seu super cabelo panelinha. E quem não mordia uma fofura dessa, me diz?

as botas do papai com minha sunga...orna, manhê?

* Conheceu becos, ruas, casas medievais. Aprendeu a dizer “que lidu, mamãe” todas as vezes que tua mãe dizia “olha que lindo, filho!”

ai, que lidu, mamãe

flores são nossas amigas

*Descobriu a alta cozinha, aquela que ganha estrela e tudo mais…

* Para logo depois entender que, enquanto adulto adora comida de guia gastronômico, criança curte mesmo é crepe, croissant e baguete…e tem coisa melhor? (tem, filho, tem coisa beeeeem melhor, believe me)


* E você viu seus pais mais apaixonados do que nunca (mamãe perdoou o fato do papai ter esquecido as fraldas, hi hi hi).

não se deixe enganar: esse casal esqueceu as fraldas do bebê

(…)continua

Não perca nos próximos posts:

“França e a família francesa. O dia em que Noah ensinou aos franceses a música da Baleia (aquela que é amiga da sereia)”

***

“Mas será possível ser feliz em Paris com crianças?”

***

“Quem esqueceu as fraldas? – Desvendando o mistério do desfraldamento airfrance.”

***

“Alguém me explica? Porque Paris tem  parques maravilhosos, seguros e de chão emborrachado? “

***

“Alguém me explica II? Após menunciosas pesquisas, a constatação: fralda brasileira é uma merda”

Anúncios

35 Respostas para “o dia em que eu não morri

  1. Ahhh que lindas as fotos da bretanha, sabe que os parentes do meu esposo tb são da bretanha (seremos parentas rs?), perto de lorient, fui uma vez há dez anos
    Coincidência vc sonhar que morreu, tb sonhei esses dias, até poste http://falamaeblog.blogspot.com/2010/08/milton-nascimento-maria-rita-voa-bicho.html
    Tava com saudades dos seus posts ótimos. Amiga, ceis tão tudo uns lindo, vc tem mais cara de francesa que as próprias francesas, eu disse cara, não axilas rs.
    beijos e cheirinho no fofo do Noah

  2. Que casal bonito, hein? O Noah entao, nem se fale!
    Bjjos

  3. Ebaaa, fotos! Lindas demais, repletas de história, referências e afetos. Amei, quero mais!
    Sim, parquinhos com chão emborrachado são tudo e fralda brasileira é muito inferior às de mesma marca estrangeiras… tudo aqui é sub.
    Beijos

  4. Sabe que eu já pensei váááárias vezes em deixar a senha do blog e do orkut e facebook e etc com meu marido eu morra as minhas leitoras poderão saber né? O Noah é um fofo, deica ele passar uns dias aqui em casa, deixa? Bjssssss

  5. Ola querida,

    Quase morrir de rir com a sua postagem, adorei seu blog e vou segui-lo com certeza, pois adoro humor…Seu bebe é lindo, lindo…Faça uma visitinha na minha páagina tb, ta???
    http://www.betestrom.blogspot.com/

  6. Ola adorei seu blog, sempre que possível passarei por aqui para dar uma olhadinha!!
    bsj bjs

  7. minina, essa loucura da morte eu já pensei também e iNgualzinha a vc: distribuí senhas, mandei recados e pedi pra postar no blog (só não tinha pensado nos comentários, hahahaha).

    leeeandas fotos de vcs, amei!

    beijão

  8. Bom, agora que vc deixou a senha c/ o François, pode lhe dizer que se ele postar, a gente comenta sim, e vamos ser legais c/ ele, nem vamos falar que nem o Noah, que a gente quer a mamãe!
    Muito legais as fotos e as férias! Acho até que tem “um quê” de Noah na foto do papai novinho…?
    Qto aos parques e fraldas, sim querida, temos que reconhecer que o negócio aqui não é tão bom..! Tô indo em 10 dias e não tô me aguentando!
    Bisous

  9. Juro que comento o post do François. Mas vamos combinar que isso vai acontecer daqui a MUITOS, MUITOS anos!!!!! 🙂
    Achei tudo muito lidu!!!! Que viagem gostosa!!! Esquecendo a parte do avião, né? Seria ótimo se pudéssemos nos teletransportar, não????
    bj

  10. Amei as fotos! Noah tá cada vez mais lindooooooo!!
    Ah Parí!!Sempre perfeita…ai saudade!!
    E muita saudade das fraldas tb!!!

    bjs

  11. Lindas fotos, lindo lugar!! (não tava verão por lá não?)
    tava com saudades!

    bjo

  12. Ahazou, abalou Bangu!!!
    Vai ser bonita assim na França, hein, zóio verde?
    E esse Noah? Luísa já mandou ele passar lá em casa. Aliás, ele tem duas opções aqui na família: mulher mais velha e garotinha mais nova. Ele pode escolher hahaha (deixa o pai saber que eu tô entregando as meninas assim… mas só estou ajudando a selecionar bons partidos pra elas).
    Aliás, que cidade é aquela, Rô? Que foto linda aquela da porta toda trabalhada, amo!
    beijos

  13. As fotos estão demais, pricipalmente a do papai do Noah enfant. Aliás, é impressão minha ou o menino que também está de costas, como se fosse sair do enquadramento, tá com o short rasgado na bunca?

  14. ops, bunda, e não bunca.

  15. Para tudo!
    se eu for com esse papo pra cima do maridex aqui é capaz dele morrer e eu ainda ficar sem as senhas dele.
    deixa quieto.
    e essas fotos????
    com lugares tão tão tão bacanas, como é que Noah não ia se efetivar como a criaturinha franco-brasileira mais fofê desse mundô?????
    e sem contar que reviver esses detalhes familiares é mega importante!
    bonita na foto, né bonitona?
    maridex. confere.
    filho fofo, mesmo assado. confere.
    viagem bacana de tudo. confere.
    e como não estaria?
    ah!
    já descansou? cadê novidades no “minha mãe”?
    tô consumista.
    Rá!!!!
    bjocas

  16. Roberta do céu! Que lugar lindo! Que casa de praia maravilhosa! E a foto do casal, então? Fiquei aqui “embasbacada” como diria Tyler, irmãozinho da Pinky Dinky Doo. Ah, quanto ao comentário, não vai ser necessário…tenho certeza disso….

  17. Roberta, eu nunca comento seus posts apesar de adorar seu blog. De rir de gargalhar. Você é uma daquelas pessoas raras que tem o poder de fazer rir e chorar numa fração de segundos. Esse seu último post teve esse poder! Parabéns pela família.
    As fotos ficaram maravilhosas!!!
    abraços
    Ana

  18. Noooooosssssaaaaa….antes de falar, tenho que recuperar meu fôlego…quanta foto linda, heim! Fiquei sem ar, Rô! (Marido…me leva prá França também?!)
    E esse história de sonho de morte…doida não, heim! Mas prá te consolar, posso dizer que meus sonhos não estão tão…digamos…normais, também! Ontem mesmo sonhei que um colega aqui do escritório tinha ido fazer audiência vestido de Elvis, com consteleta e tudo!
    Sei não, mas acho que a maternidade, além das imensas-alegrias- sem fim, também tem o efeito de nos dar sonhos como estes.
    Ou será que foi a manga que eu comi antes de dormir…Rô….o que você comeu antes de dormir?
    Adorei mais este post! Arrasou de novo!
    Beijo, queridona!
    Dani
    PS: você trouxe coisinhas novas prá gente adquirir?! Me conta, vai…

  19. Olha só eu aqui procrastinando a arrumação de malas, ainda comendo brownies e agora me divertindo com seu post e maravilhada com as fotos da sua viagem… Eu amo memorias de lugares antigos e fotos preto e brancas de todo mundo pequenininho… (ah! achei tão bonitinho todos vestidinhos com a mesma blusa de frio na foto do François!)…

    Tambem não tinha considerado a possibilidade de eu morrer e o blog ficar aí ao deus dará. Eu, morrer? Mas mesmo achando bem remoto, vou imediatamente passar a senha pro Rafa! boa ideia!

    Beijos lindona! Linda viagem, viu?

    Lu

  20. Gata, se e quando vc bater as botas, ninguém vai acreditar no post póstumo do maridão. Porque, veja bem, se vc faturou 50 contos com esse post, como me pareceu, o póstumo deve vale uns duzentão, no mínimo. Fosse eu o François, escrevia o post, causava um rebuliço na blogosfera e ainda saía no lucro…
    Lindas fotos, lindo casal, lindo filhote! Ai como eu tava carente desse blog!
    Beijos

  21. Rô,
    Que bom que voltou, tava com saudades destas suas maluquices!! E depois de arrumar as malas, trata de agitar um choppinho que vc tá nos devendo desde aquela corridinha que resultou em entorce no pé! Lindas fotos a viagem deve ter sido o máximo ( pula o detalhe da fralda, ou melhor da ausência dela…hihihi) bjos Fabi

  22. Adorei as fotos, as histórias (embora haja muitas mais) e, principalmente, a volta ao blog! E adoro o bom humor com o qual escreve coisas tão sérias…rs. Beijo.

  23. Menina, essa história de receber post por email é ótima, mas aí eu demoro horrores pra vir comentar. Ameeeei as fotos, amei o post e passei mal de rir com o post póstumo.
    E como vc é lindaaaaaaaaaaaaaa! Afe maria!!! Família bonita demais!
    beijos, beijos

  24. Adorei o post!!!
    Pode deixar que eu comento o post póstumo! heheh
    Linnnndas as fotos da viagem!
    bjos

  25. Que lidu mamãe!!!
    Maravilhosas fotos.
    E diga ao maridon que sim! Claro que comentariamos o post!
    Mas isso é só um devaneio de mãe. Rs
    Beijos!

  26. Roberta, estou passando mal de rir da história das fraldas já tem uns 3 dias, fiz minha familia inteira ler! Vc não existe! E como vc é LIIINDA!!!!! Amei as fotos! Que lugar é este!? Quero ir!
    Por favor, nào pare de escrever nunca, tá!
    bjs

  27. Bia(amiga da Isadora,do Graozinho de Areia)

    Oi Roberta! continuo acompanhando seu blog…morri de rir com a história das fraldas! e vc é uma mãe super linda, está radiante nas fotos! parabéns, continue escrevendo e divertindo a gente!!

  28. Você deve se divertir muito com vc mesma ne? Este sonho foi o ó! Mae ta sempre cheia de pendencias e de deveres, até no sonho! Bom demais! E a viagem, sem comentarios, incrivel! As cores, as comidas, as flores. Adorei. Tambem quero!

    Tudo de bom!!!

    beijos

    Pati

    http://coisasdemae.wordpress,com

  29. Amiga to me embolando de rir aqui com o tal bater de botas. So vc mesmo pra sonhar uma coisa dessas, postar no blog e ainda levar uma on,ca!
    Meu sobrinho ta a coisa mais fofa do mundo. E ele cantando? Deus benza como dizia minha avo.
    Adorei as fotos da Fran,ca. Vc veio aqui ao lado e nem tchum pra passar aqui ne sua danada? Beijucas

  30. Hahaha. Mal encontrei esse blog e já estou ficando viciada nesses posts.
    Pode deixar que do meu lado fica garantido o tal comentário postmortem. (Mas bate na madeira, né? Toc, toc toc.)
    Lindas as fotos.
    bjs de Lisboa

  31. Oi!
    Encontrei ontem teu blog e to achando o maximo o modo como vc escreve e tua història! Ainda nao entendi bem, vc mora no Brasil, na França ou Londres, rsss? Eu moro na Italia , to perguntando pq vi q teu filhinho(lindo!!!) fala super bem ,ja o meu ainda continua no bebenez…
    Vou te adicionar no meu blog, td bem?
    Bjao!!

  32. Tabéta, as fotos estão demais, e vc cada vez mais jovem e bonita, hein?! E o Noah arrasando em todas, como sempre, com essa boquinha que faz beicinho. Fofo demais.

  33. Sou mãe tb e li sobre o seu blog num voo lendo a revista da Gol e resolvi vir conferir..ADOREI…li apenas alguns pq como todas as mães do mundo vico exausta..mas parabéns..tantarei passar sempre aqui..beijos e Felicidades para a linda familia

  34. ahaha mas q sonho heim?? morri de rir hehe Seu filho eh lindoooo! Bjao!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s