A tal da moleira

Outro dia eu recebi uma mensagem de uma mãe de 5 dias perguntando sobre a moleira do bebê. Eu queria pedir desculpa pela respostinha mequetrefe ctrl C+ ctrl V que eu acabei dando. 

Puxa, recem mamãe anônima, em minha defesa duas razões igualmente mequetrefes plausíveis:

 1. férias do marido (sério, ainda não acabou gente!) 

2. eu sou a pessoa menos indicada que eu conheço pra falar da tal moleira. Quando o Noah tinha uma semana e eu vi a cabeça dele pulsando sai correndo e chorando em direção ao François, dizendo que tinha ficado faltando uma cobertura na cabeça do rapaz.

Sério, eu até já tinha lido sobre a moleira. Mas aquele buraquinho pulsante certamente se encaixa numa daquelas coisas que você não sabia antes de ser mãe.

Então eu jogo pra frente a responsabilidade, mãe anônima. Até porque eu sei como são duros esses primeiros dias pós parto. E eu falar da moleira sem propriedade não ajuda, ajuda? Força aí, tudo vai ficar bem!

Então falemos sobre algo mais fútil: cabelos. No dia em que nasceu, Noah tinha o cabelo escuro e em (relativa) abundância:

IMG_0662

Aos 2 meses e a medida que minhas olheiras iam aumentando, os cabelos do rapaz iam diminuindo:

IMG_1134

E agora, aos 10 meses, a loirice começa a aflorar:

IMG_2665

Então, recem mamãe anônima, tire bastante foto desse recem nascido cabeludo! Esqueça a moleira e se concentre em todos os momentos de ternura e carinho que te esperam:

IMG_2799

Ups…os momentos de carinho e ternura que te esperam:

IMG_2796

Anúncios

14 Respostas para “A tal da moleira

  1. Também não entendo nada de moleira, mas adorei ver o Noah pequeninhinho e o crescimento dele (o inverso para o cabelo) nestas fotos. Beleza pura!

  2. Hahahaha, essas fotos dos carinhos estão demais.
    bjs

  3. Ih, moleira da medo mas eh tranquilo!hehe
    Menina, entao, tava doida pra conversar com vc no tel mas nao ligo ai nao espera seu marido voltar pro trabalho, fora q aqui tbm to meio na correria, hj passo o dia fora fazendo curso.
    Ontem fui sequestrada pela Amanda pra servir de ursinho Ted pra ela dormir abraçada na cama dela, e ai ja viu, ia postar no blog, nao consegui, to parecendo politico ja, pior q nao sou cara de pau, fico chateada!hehe
    Mas olha, esse loirinho ai tem uma cara de safado!!! Nao quero te enganar nao mas depois do video dos cachorros eu tenho certeza, vc vai penar nas maozinhas do Noah, ele eh safaderrimo no melhor sentido da saude de uma criança!heheh

    Menina, xo ir, tenho q entregar a cria na escola e ir pro meu curso.
    Me avisa quando puder te ligar!

    beijocas

  4. Adorei as fotos do cabelinho! Ele é lindo esse menininho!
    E as fotos dos momentos de carinho ficaram demais…rs!
    beijos, Re

  5. hahahahahaha!!! me acabei!!
    que bonito o amor filial, né? “lambada de amor não dói”, já dizia beth guzzo? mara maavilha? as marcianas?
    beijos!

  6. Também não sei falar nada sobre o assunto moleira além do básico, ou seja, tem que tomar cuidado no início. Só. Mas também acho que o assunto não vai muito além disso não…

  7. Também não sei falar nada sobre o assunto moleira além do básico, ou seja, tem que tomar cuidado no início. Só. Mas também acho que o assunto não vai muito além disso não…
    Fotos lindas! Noah é um gato (loiro!).

  8. Aqui em casa, o “cabelo” tambem foi todo um processo:
    cabelo escuro, cabeça de frade (puts, só posso explicar desenhando), totalmente careca, totalmente careca, totalmente careca, fiozionhos… cabelinhos loiros com uma linda mechinha branca,
    agora voltou a escurecer um pouco.

    Ah… esqueci de contar a fase, cabelo mal cortado, quando a mãe mais desnaturada do mundo resolveu dar uma de cabelereira. UÓ.

    beijos

  9. ahahahah
    Adorei a as olheiras aumentarem e os cabelos do baby diminuirem…eheheheh
    eu, na verdade, nem tomei conhecimento da moleira, ela estava lá, eu aqui… e o Arthur crescendo, e ficando cabecinha dura (nos dois sentidos, o anjinho é teimooooso que só…eheheheh)

  10. O Noah é um fofo; o quase loiro mais charmoso e lindo.

    Beijoks a todos

  11. Se você não tivesse colocado as fotos eu jamais iria acreditar que o Noah não tinha nascido loirinho!
    Ah…me acabei de rir com essa foto dele te apertando as bochechas. Isso dói, né! A gente não fala nada, mas que dói, dói!
    Beijo!
    Dani

  12. adorei as fotos, hahahaha

    e sim, já deu pra ver que a comunidade materna na internet é uma cidade pequena, adoro!

    obrigada pela visita!

    beijos
    Carol

  13. Olhe essa historia de moleira rendeu, eu tinha tanto medo de pentear o cabelo do meu filho e machucar, que o coitado estava o tempo todo parecendo um maluco.
    Mas o tempo passou e ele sobreviveu, então tenho certeza de que todos os bebês do mundo vão ficar bem.

    Ah alguém pode avisar a minha sogra que o meu marido não tem mais moleira? Porque deve ter fechado há pelo menos uns 40 anos.

  14. Olá querida Roberta, quanta saudade!! amiga me ache, me procure. entre no meu blog. Seu filho é lindo como vc. bjos e saudade.

    Leda
    sua eterna maquiadora…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s