O parafuso da calota da roda do caminhão

Então. Sabe aquilo que eu disse outro dia? Que nós, super -mega- mamis-que-somos, deveríamos nos unir para um futuro melhor pros nossos filhotes e tal e coisa?

Pois bem, eu comecei a agir. Quer dizer, não sei se dar uma de fofoqueira e denunciar motorista de caminhão de empresa grande conta, mas acho que sim, né? Yes!

 Foi assim ó: eu e família caminhando felizes e cantarolantes pelas ruas de Copacabana. Derrepente um caminhoneiro doido, varrido e escovado passa a trocentos km/hora! Em uma rua super movimentada! Com escola pertinho dali! Fazendo com que duas garotinhas voltassem a calçada pois não daria tempo de atravessar! Terror! Em plena luz do dia! Extra Extra!

Fiquei assustadíssima e fiz sinal pra ele reduzir. Acreditam que o sujeito me viu pelo retovisor e começou a rir da minha cara?! Sim!

E o pior ainda está por vir: depois de rir da cara de uma super-mami ele ainda teve a pachorra de furar o sinal! Acreditam?! Horror! Horror! Mais pontos de exclamação!

Mas… quem é vivo sabe que super-mamis são dotadas de visão ultra-mega-super-sônica, então eu tive tempo de reparar o que estava escrito no tal caminhão: Abracadabra. Não, caros amigos, não se trata de uma associação de mágicos aposentados. Trata-se de uma loja de…artigos infantis!!!!

Primeiro liguei. Depois mandei um email assim ó:

Olá, Eu gostaria de relatar uma denuncia grave sobre um motorista que conduzia um caminhão da Abracadabra, no cruzamento da Rua Duvivier com a Ministro Viveiros de Castro (data e horário abaixo especificados).
Um motorista conduzindo o caminhão da Abracadabra estava
muito acima do limite de velocidade permitido, e duas crianças que estavam atravessando calmamente a rua (ja que ali perto existe uma escolinha) tiveram que voltar a calçada correndo, pois, com a velocidade do caminhão,ele não conseguiria parar a faixa de pedestres, como, de fato, não parou. 
Eu então apressei o passo (com meu filho de 8 meses no carrinho) e fiz sinal para que o motorista reduzisse a velocidade. Ele começou a rir e a fazer sinais e PASSOU O SINAL do cruzamento da Duvivier com a Barata Ribeiro!!!
Como cliente da Abracadabra e cidadã preocupada, venho atraves dessa pedir a imediata averiguação dos fatos e devidas providências, no sentido de responsabilizar referido motorista por total falta de prudência, que poderia, sem sombra de dúvida ter culminado em uma tragédia. Desde já agradeço e aguardo contato.
Atenciosamente, Roberta

Primeiro recebi uma daquelas respostas-padrão que irritam até o mais gente boa dos caras.  Aquelas do tipo “Obrigado. A sua opinião é muito importante pra nós. Nós entraremos em contato no dia de São Nunca, ô sua desocupada assim que for possível.”

Como Mãe não é pessoa que desiste fácil, mandei outro assim ó:

Gostaria de obter algum retorno em relação aa minha denúncia.
Atenciosamente,
Roberta

E a moça respondeu:

Prezada Roberta,
Medidas internas já foram tomadas.
Atenciosamente,
P
Confesso que achei essa resposta até mais bonitinha, mas como medidas internas, pra mim, soa algo como 60 de coxa, 90 de quadril, resolvi querer mais:

Oi P,

Finalmente uma resposta um pouco mais pessoal do que aquela padrão.
Desde já agradeço e torço para que a Abracadabra proteja as crianças que tanto lucro trazem aa empresa.
Atenciosamente,
Roberta

E a resposta:

Prezada Roberta,

Pode confiar.

Obrigada mais uma vez pelo seu empenho e dedicação.

Atenciosamente,

P

Tá bom, vai. Eu não sei se o moço vai de fato sofre as consequências MALIGNAS de ter desafiado uma suuuuuuper-mãe. Eu nem sei se a moça vai, ao menos, comunicar ao departamento do doido varrido. Vai ver que os dois são, na verdade, amantes e se acabaram de rir, tomando uma gelada e comendo um aipizinho frito equanto liam meus emails.

– Abelardo, dá uma olhada no que chegou pra mim hoje. Ha ha ha ha ha! 

– Ha ha ha ha ha, aquela super-mãe babacona! Ha ha ha ha ha hi hi hi hi hi. Agora me passa um aipizinho bem torradinho, vai meu amor…

Bom, não importa. Eu fiz minha parte. E comecei, ainda que a passinhos pequenos, a tal da campanha para um mundinho melhor. Passos pequenos feito o parafusinho da calota da roda do caminhão.

(Mas por você, filho, juro, tudo parece grandioso.)

Anúncios

6 Respostas para “O parafuso da calota da roda do caminhão

  1. Oi Roberta!
    ma manda seu email? Porque já vi que vou fazer uma dissertação de mestrado pra te responder sobre Paris – e olha que se tem uma coisa que parisiense NÃO É é baby friendly, mas mesmo assim tem muuuuita coisa legal pra se fazer por aqui…
    Beijos!

  2. Rosita baby, sabe quem trabalhava na Abracadabra? A Raquel, minha prima, e ela conhece o dono… Vc quer se aprofundar? Manda um email pra Raquel ler se blog! Um grande beijo com saudades da família.

  3. Oi Roberta, vc eh daqui do Rio!!!!!!!!!
    Eu sou meio lesma meio mae, meio anta, nao repara!hehe :p

    Olha, eu postei uma vez sobre esse lance de mudar por conta de filho, procura la em mamae leoa, algo assim, so q eu aprendi a rodar a baiana, dei show em plena rodoviaria novo rio!hehe Po, fila preferencial my ass, aquilo nem andava, 1 caixa, a normal q era gigante deu duas voltas e a minha necas, calorao, bebe chorando e criança andando de bike pela rodoviaria, surtei feio!hehe

    Eu se fosse vc fazia melhor, falava que vc faz parte de um grupo de maes do Rio e que iria falar com elas para boicotarem a loja pq nao tem uma postura correta perante esses problemas q sao serios. Fala grosso mesmo, aqui eu sou uma pamonha, mas com atendente e gente mal educada eu to aprendendo a bater os cascos, pq infelizmente se nao fazemos ninguem toma atitude nenhuma.

    Olha, sobre o lance de amamentaçao, tem uma amiga minha q tinha 2 meninas e agora tem um menino, ela chama o filho de chupa cabra pq ela disse q eh absurda a fome dele, ela praticamente esvazia depois q ele termina!hehe Eh bem diferente de menina, eu imagino, daqui so sai mulher. Mas bebe eh tudo diferente, nao tem regra, a gente rebola pra entender o manual de cada um!

    Poxa, bem q podia ter um grupo de maes blogueiras daqui do Rio!hehe

    beijocas

  4. Realmente a gente quer mudar o mundo para esses pequenos! Adorei o blog. bjs

  5. Ahaha, eu sou igual a vc. Já comprei briga até com a toda-poderosa Fischer-Price! Já a Chicco, tenho de admitir, sempre me tratou super bem.

    E, neste caso, foi mais louvável ainda, porque foi uma coisa que coloca em risco todos os pedestres e até os motoristas. Pânico só de ler a descrição desta cena.

    No próximo e-mail, vc poderia colocar: “P., se não forem tomadas providências, eu e meu grupo de 1.759 mães vamos parar de comprar na Abracadabra. Atenciosamente, R. “. Terrorismo declarado. Ahahahahaha!

  6. Pingback: Amigo é a mãe « Piscar de Olhos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s